Outras Notícias

70 anos da derrota do nazi-fascismo

  • Na sequência do recente Protocolo assinado entre o Conselho Português para a Paz e Cooperação e a Câmara Municipal de Silves, realizou-se, no dia 25 de Maio, na biblioteca da Escola Secundária de Silves, um debate para assinalar os 70 anos da vitória sobre o nazi-fascismo e a luta pela Paz.

    No debate participaram Ilda Figueiredo, presidente da direcção do Conselho Português para a Paz e Cooperação, a veredadora da Câmara Municipal de Silves, Luísa Luis, dezenas de alunos e diversos professores. Foram também distribuídos dezenas de exemplares do último número do boletim Notícias da Paz.

    Este trabalho de educação para a Paz prosseguirá no próximo ano lectivo.

  • No passado dia 16 de Maio, aquando da realização da XXVI Assembleia da Paz, o CPPC inaugurou a exposição "Celebrar a Vitória, Defender a Paz", que pode ser visualizada através do link: http://issuu.com/…/do…/exposi____o_celebrar_a_vit__ria__de/1

     

  • "Nos 70 anos da derrota do nazi-fascismo, celebrar a vitória, defender a Paz"

    Em nome do Conselho Português para a Paz e Cooperação saúdo os nossos convidados e aderentes, e de um modo particular Roger Cole do Movimento da Paz Irlandês (PANA), Mario Franssen do Movimento da Paz Belga (INTAL) e todos os participantes nesta importante conferência "Nos 70 anos da derrota do nazi- fascismo, celebrar a vitória, defender a Paz". Saúdo igualmente as organizações que aceitaram o nosso convite e aqui estão presentes, designadamente a CGTP-IN, o MDM, a embaixada da Venezuela, os representantes dos núcleos do CPPC de várias regiões do País, desde o Porto, Coimbra, Lisboa, península de Setúbal, Évora, Beja, Moura até ao Algarve.

    Em nome da direcção nacional informo também os nossos convidados que se realizou esta manhã a 26ª Assembleia da Paz que aprovou os nossos Relatórios de Actividades e de Contas e decidiu apelar ao empenhamento cada vez maior de todos os amantes da Paz, dada a complexidade da situação que se vive.
    Foi também com esse objectivo que decidimos realizar esta Conferência por consideramos importante assinalar o 70.º aniversário da vitória sobre o nazi-fascismo na Segunda Guerra Mundial, reafirmar a determinação do CPPC em prosseguir e intensificar a acção de esclarecimento e mobilização da opinião pública para a defesa da Paz, da segurança e cooperação internacionais e para a amizade e solidariedade entre os povos, dando o seu contributo para que tragédia semelhante à que terminou há 70 anos nunca se venha a repetir.

  • A Peace and Neutrality Alliance -PANA- foi fundada em 1996 para defender que a Irlanda deve ter uma política externa independente própria, com a neutralidade positiva como elemento fundamental. Fizemos isso porque estávamos convencidos de que a elite política irlandesa pretendia destruir a já longa política de neutralidade da Irlanda, que foi um valor histórico profundamente enraizado e entrelaçado com a nossa longa luta pela independência contra a União Britânica e o Império.

    Estávamos convencidos de que o seu propósito foi de assegurar a integração da Irlanda nas estruturas militares no eixo EUA/UE/NATO, a fim de garantir que a Irlanda tivesse um papel fundamental no compromisso com uma guerra perpétua do eixo e com a sua doutrina para garantir o domínio global no século XXI.

    Nós tivemos um papel fundamental em 2003 na mobilização de mais de 100.000 pessoas para marchar contra a guerra do Iraque e a participação da Irlanda nessa guerra ao permitir que as tropas dos EUA desembarcassem no aeroporto de Shannon a caminho de e para a guerra.

  • A vitória sobre o nazi-fascismo e a luta pela Paz

    A Segunda Guerra Mundial é dita decorrer entre 1939 e 1945. Será todavia mais elucidativo tomá-la como um processo histórico, com seus antecedentes, frequentemente remontando à Segunda Guerra Mundial ou à Grande Depressão, e com suas consequências próximas e as que projetou até hoje e no nosso futuro. Aquele período discreto de seis anos compreende a convergência e aceleração de um feixe de processos à escala global, e é pontuado por diversos eventos notórios que, uns e outros merecem a nossa atenção.

    Ao longo da década de 30, foram manifestas as aspirações hegemónicas do Japão e da Alemanha, suportadas nos respetivos ascensos industriais, regimes políticos autoritários e ultranacionalistas e posicionamento militarista.

  •  

    A convite do do Grupo Confederal da Esquerda Unitária Europeia / Esquerda Nórdica Verde (GUE / NGL), no Parlamento Europeu, o CPPC participou no seminário sobre os 70 anos da vitória sobre o nazi-fascismo na Segunda Guerra Mundial realizado no passado dia 13 de Maio.

    Leia aqui a intervenção de Ilda Figueiredo: